21 DE JUNHO

21/06/2017 00:00

1788 - A Constituição dos Estados Unidos é adotada oficialmente, retardada por uma convenção constituinte reunida na Filadélfia. 

1819 - Nascimento de Jacques Offenbach, compositor francês de origem alemã. 

1837 - Proclamação de Vitória I como Rainha da Inglaterra. 

1905 - Nascimento de Jean Paul Sartre, escritor e filósofo francês. 

1906 - O senado norte-americano aprova a construção do Canal do Panamá. 

1908 - Duzentas e cinqüenta mil mulheres se reúnem em Hyde Park (Londres) para reclamar seu direito ao voto. 

1908 - Morre Rimsky-Korsakov, compositor russo. 

1911 - Porfirio Díaz, presidente do México, se exila em Paris. 

1919 - Os alemães afundam 70 barcos de guerra de sua frota em Scapa Flow (ilhas Orcadas, ao norte da Grã-Bretanha) para não entregá-los aos ingleses, violando as condições do armistício. 

 

1921 - Nascimento de Jane Russell, atriz norte-americana. 

1933 - Hitler proíbe a existência do Partido Social-Democrata na Alemanha. 

1935 - Nascimento de Francoise Sagan, escritora francesa. 

1940 - Segunda Guerra Mundial: o governo do general Petain autoriza os chefes dos exércitos franceses do Leste a entregar as armas, quando as tropas ficam cercadas por seis divisões e dois mil carros blindados alemães. 

1941 - A Alemanha nazista declara guerra à União Soviética. 

1948 - Nascimento de Ian McEwan, escritor britânico. 

1963 - O cardeal Giovanni Montini é eleito Papa e toma o nome de Paulo VI. 

1966 - Fabricio Ojeda, chefe do Movimento Revolucionário da Venezuela, se suicida na prisão de Guaira. 

1970 - No Equador, o presidente Velasco Ibarra suspende a Constituição, dissolve o Congresso e se atribui plenos poderes. 

1970 - O Brasil vence seu terceiro campeonato mundial de futebol ao vencer a Itália por 4 a 1, no México. 

1970 - Morre Ahmed Sukarno, estadista indonésio. 

1981 - Socialistas e liberais de esquerda conseguem a maioria absoluta nas eleições para a Assembléia Nacional francesa. 

1986 - Ao menos 200 pessoas morrem soterradas em um deslizamento de terra na província equatoriana de Putumayo. 

1990 - Um abalo sísmico na fronteira do norte do Irã e Azerbaijão deixa 40 mil mortos e 50 mil feridos. 

1992 - Primeiras eleições gerais democráticas na Etiópia, em que 33 milhões de cidadãos escolhem um governo federativo. 

1992 - Entra em vigor a nova Constituição do Paraguai, que derruba a promulgada durante a ditadura de Alfredo Stroessner. 

1999 - A OTAN confirma o final da retirada das tropas sérvias de Kosovo, seguindo o calendário acordado. A guerrilha albano-kosovar se compromete a desmilitarizar-se em um prazo de 90 dias. 

2000 - O governo chileno aprova a lei que preserva a identidade daqueles que apresentarem provas sobre o paradeiro dos desaparecidos durante a ditadura. 

2004 - Leonel Brizola morre no Rio. A política brasileira perdeu no dia 21 de junho de 2004 uma de suas maiores figuras nos últimos 50 anos. O presidente nacional do PDT e ex-governador do RJ e RS, Leonel Brizola morreu, aos 82 anos, vítima de uma infecção pulmonar. Ele foi internado à tarde e seria transferido para outro hospital quando se sentiu mal, vindo a sofrer no fim da tarde, um ataque cardíaco.