Comunhão

02/08/2018 00:00

 

Comunhão (7/07/1963) § 6, Jeffersonville, Indiana, EUA.

Que eu possa trazer isso a um ponto: quando somos julgados pela Palavra, que é Cristo, somos repreendidos. [“Amém”] Se estamos agindo errado, e não estamos vivendo de acordo com esta Palavra, somos repreendidos por Deus. E quando Deus nos repreende, isso significa que nos corrige, para que não devêssemos ser condenados com o mundo. Nós não somos do mundo. [“Amém”] Somos diferentes do mundo, vivemos uma vida diferente, uma vida separada. [“Aleluia”] Nunca estamos para viver a vida do mundo e ser um cristão. Estamos para viver uma – uma vida excelente, uma vida diferente. Não, eu não quero dizer em tais classes sociais, mas eu quero dizer que nós estamos para viver uma vida de santidade genuína [“Amém”] para que os frutos do Espírito em nós possam ser vistos: de mansidão, e bondade, e paciência, longanimidade, fé: o fruto do Espírito.