Amor Divino e Graça Soberana

17/06/2019 00:00

 

Amor Divino e Graça Soberana (14/08/1956) § 46, Prince Albert, Saskatchewan, Canadá.

Eu andei em... Eu costumava fazer muitas cavalgadas. Eu cavalguei por muitos anos em rodeios e coisas tais, e eu montava em cavalos selvagens, e de alguma forma, em poucos minutos, ele teria sua cabeça colocada sobre o meu ombro. Eu simplesmente colocava uma manta sobre ele, e o levava para dar uma volta por algum tempo com uma manta sobre ele, depois jogava a sela sobre ele, e a primeira coisa que você sabe, eu estaria montando nele. Vê? Ele – ele te ama. E se você realmente o ama, ele sabe disso. Agora ouça, quero lhe dizer uma coisa. Os seres humanos são mais inteligentes do que os animais, e você não pode dizer às pessoas que você as ama... Eles não vão acreditar, a não ser que a coisa real esteja aí para provar isso. [“Isso mesmo”] Então você diz: “Oh, irmão, você sabe que temos essa grande comunhão”. E dentro do seu coração um rancor? Ele sabe diferente. Deus sabe disso. Seu vizinho sabe disso. [O irmão Branham bate no púlpito – Trad.] Você tem que ser limpo e honesto, e dizer: “Senhor Deus, cria em mim um coração puro para amar”. [“Isso mesmo”]