9 DE JUNHO

09/06/2018 00:00

1815 - Firmada a primeira ata do Congresso de Viena. 

1829 - Morre Baltasar Hidalgo de Cisneros, último vice-rei e representante do governo Espanhol no Rio do Prata. 

1869 - O presidente equatoriano, Gabriel García Moreno, proclama a nova Constituição chamada de "Carta Negra" pela oposição. 

1870 - O autor de Oliver Twist morre. O romancista inglês Charles Dickens nasceu em 1812. Aos 12 anos foi trabalhar numa fábrica de graxa de sapatos pois o pai havia sido preso devido a dívidas. Educou-se sozinho. Publicou livros em que denunciava a vida do operário na sociedade industrial e a miséria das classes sociais mais baixas. Morreu no dia 9 de junho de 1870. 

1873 - Morre Napoleão III, ex-Imperador francês. 

1894 - Estoura no Paraguai um movimento revolucionário encabeçado pelo general Juan B. Egusquiza, que depõe o presidente Marcos Moriñigo. 

1898 - Inauguração da Ferrovia Nordeste Argentino, de Corrientes a Monte Caseros, localidades situadas na orla dos rios Paraná e Uruguai, respectivamente. 

1921 - A Oficina Internacional do Trabalho adota a língua espanhola como o terceiro idioma oficial. 

1921 - Nace Guido Munch, astrofísico mexicano. 

1934 - Proclamada a nova Constituição da República Dominicana, a vigésima terceira da história do país. 

1946 - Bumibol Adulyade, de 19 anos, substitui o trono da Tailândia para o irmão, Amanda Mahidol, morto em estranhas circunstâncias. 

1960 - O Governo de Moscou declara oficialmente que defenderá Cuba caso o país seja atacado pelos Estados Unidos. 

1968 - O presidente iugoslavo, Josip Broz Tito, aprova várias reformas políticas e sociais após uma semana de distúrbios e manifestações. 

1974 - Morre Miguel Angel Astúrias, escritor da Guatemala que ganhou o Prêmio Nobel em 1967. 

1976 - O governo boliviano estabelece estado de sítio para prevenir protestos e manifestações de estudantes por causa do assassinato do ex-presidente e general Juan José Torres na Argentina. 

1983 - Margaret Thatcher, primeira ministra britânica, é eleita nas eleições que confirmam a grande popularidade dos conservadores na Grã Bretanha. 

1991 - O rei da Jordânia assina um documento constitucional que abre caminho ao pluripartidarismo e que foi aprovado em Conferência Nacional. 

1991 - Morre Claudio Arrau, pianista chileno. 

1993 - O príncipe herdeiro do Japão, Naruhito, se casa com Masako Owada no Palácio Imperial de Tókio. 

1999 - Legisladores de 41 cidades da América, da África e da Ásia constituem no México o Parlamento dos Legisladores Metropolitanos para buscar soluções para os problemas das suas cidades. 

1999 - O neurobiólogo mexicano Ricardo Miledi é premiado com o Prêmio da Investigação Científica e Técnica. 

1999 - Celebrada a coroação dos novos reis da Jordânia, Abdalá II, e sua esposa, Rania.