3 DE ABRIL

03/04/2019 00:00

1493 - Os Reis Católicos recebem, em Barcelona, Cristóvão Colombo, que volta da viagem em que descobriu a América. 

  1860 - O Pony Express Mail Delivery System, que utilizou cavalo e cavaleiro ao longo de um percurso de 1.800 milhas (2.900 km) entre St. Joseph, Missouri, e Sacramento, Califórnia, foi lançado nos Estados Unidos.

1862 - Os Miseráveis, livro do escritor francês Victor Hugo, é publicado, simultaneamente, em nove cidades de países distintos.  

1879 - Sofia, liberada a partir do Império Otomano pelas tropas russas, foi nomeada a capital da Bulgária. 

1885 - É firmada em Paris e em Pequim a ratificação das preliminares da paz entre França e China.  

1917 - Um submarino alemão afunda, na costa da França, o navio brasileiro Paraná e envolve o país na Primeira Guerra Mundial. 

1924 - A cantora e atriz americana Doris Day nasceu em Cincinnati, Ohio. 

 1924 - Estágiário americano e ator de cinema Marlon Brando nasceu em Omaha, Nebraska. 

1930 - As comunicações radiotelefônicas entre Estados Unidos, Chile e Uruguai são inauguradas.  

  1930 - Helmut Kohl, que serviu como chanceler da Alemanha Ocidental (1982-1990) e da reunificação da Alemanha (1990-1998), nasceu em Ludwigshafen am Rhein, Alemanha. 

1930 - Nasce Helmut Kohl, chanceler da Alemanha.  

1933 - Os pilotos britânicos Clydesdale e McIntyre sobrevoam, pela primeira vez, o Everest. 

1936 - Bruno Richard Hauptmann, autor do seqüestro e assassinato de Charles Churchill, é executado na prisão de Trenton, em Nova Jersey. 

1940 - Churchill é nomeado. No dia 03 de abril de 1940, durante a Segunda Guerra Mundial, Winston Leonard Spencer Churchill é nomeado chefe do Conselho de Defesa Britânico. No momento, a Inglaterra estava em desvantagem em relação às forças alemãs. Churchill logo assumiu o cargo de primeiro-ministro, em 13 de maio. 

1948 - A Argentina concede à Espanha um crédito de 350 milhões de pesos anuais até 1951, após ser firmado um protocolo franco-argentino.  

1948 - Implementação do Plano Marshall. Neste dia em 1948, o presidente dos EUA, Harry S. Truman assinou a lei George C. Marshall pós-Mundial da II Guerra plano para reanimar as economias dos países ocidentais e do sul da Europa, de modo a promover a democracia na região. 

1960 - Uma coligação entre radicais e conservadores ganha as eleições gerais no Chile.  

1961 - É firmado um tratado de amizade entre Estados Unidos e Vietnã Sul.  

1962 - Nehru é designado novamente pelo seu partido para ocupar o cargo de primeiro ministro da Índia por mais cinco anos.  

1972 - Emenda Constitucional torna indireta a eleição de governadores a partir de 1974, no Brasil. 

1972 - O presidente Médici assina acordo de cooperação com o ditador da Bolívia, general Hugo Banzer. 

1976 - Treze cadáveres de jovens são encontrados na zona da Grande Buenos Aires, vítimas de terrorismo.  

1981 - Morre J. Trippe, fundador da companhia aérea Pan Am.  

1985 - Na África do Sul, o Reverendo Desmond Tutu comanda uma passeata exigindo a libertação de presos políticos no país. 

1985 - O Presidente José Sarney veta a criação do estado de Tocantins. 

1986 - Um Plano Nacional de Informática, com reserva de mercado para proteger a indústria nacional, é aprovado pelo Senado. 

1987 - O governo português do social-democrata Aníbal Cavaco Silva se dissolve.  

1990 - Na URSS é promulgada uma lei que regulamenta o direito de secessão. A lei dificulta o processo de independência de suas repúblicas. 

1990 - O Congresso Nacional aprova em tempo recorde, de apenas 8 dias, o Plano Collor. 

1994 - Morre Jerome Lejeune, geneticista francês, descobridor do mongolismo.  

1996 - Os agentes federais em Montana apreendeu Theodore J. Kaczynski, um americano terrorista conhecido como "Unabomber", que matou 3 pessoas e feriu mais de 20 com explosivos enviados pelo sistema postal dos EUA. 

1999 - Os mísseis da OTAN atingem o centro de Belgrado pala primeira vez, destruindo a sede das forças de segurança acusadas de fazer campanha contra os albaneses de Kosovo. 

2000 - Um juíz federal em Washington decide que a Microsoft Corp. havia violado as leis americanas antitruste, mantendo um domínio opressivo sobre competidores durante a corrida para ligar os americanos à Internet. 

2001 - O Parlamento Chileno aprova a abolição definitiva da pena de morte.