O Sonido Incerto

02/08/2016 00:00

 

O Sonido Incerto (31/07/1955) §§ 155-158, Jeffersonville, Indiana, EUA.

Quando as pessoas pentecostais foram para o Pentecostes, eram apenas homens quando subiram ali. Porém subitamente, enquanto estavam ali em cima, estavam com medo. Estavam com as janelas fechadas, as portas fechadas. Estavam com medo da perseguição. Eram bons membros de igreja, até aquele tempo. Haviam sido batizados em água, até aquele tempo. Porém não tinham aquele Poder escondido. Eles não tinham aquela certeza. Um deles disse: “Se Tu és... Deixa-me colocar as minhas mãos no Teu lado. Deixa-me colocar os meus dedos nas marcas dos pregos, em Tua mão.” Um outro disse para as mulheres: “Oh, é tolice! Vocês não viram nada.” Porém quando eles subiram aqueles degraus e foram para o andar de cima, subitamente veio um som do Céu, e o Poder escondido desceu. Ele entrou neles. Em seguida eles saíram na rua, ...jando-regozijando e louvando a Deus, pregando o Evangelho, glorificando a Deus. Eles tinham Poderes escondidos. Eles tinham Poderes a respeito dos quais o mundo nada sabia.