24 DE JANEIRO

24/01/2017 00:00

1556 - Um terremoto devasta a província chinesa de Shensi, causando 830 mil vítimas.  

1776 - Nasce Ernesto Teodoro Hoffmann, autor alemão de contos.  

1813 - Nasce Thomas Price, palhaço e empresario circense irlandês.  

1839 - Morre Juan Cruz Varela, escritor e político argentino.  

1905 - Um decreto do czar (imperador russo) estabelece a ditadura militar em São Petersburgo.   

1911 - O príncipe de Mônaco funda, em Paris, o Instituto Oceanográfico.   

1915 - Primera Guerra Mundial: Batalha naval entre britânicos e alemães em Doggerbank e Helgoland.  

1920 - Morre Amadeo Modigliani, pintor italiano.  

1921 - A Conferência dos países aliados acontece em Paris, estabelecendo que a Alemanha deve pagar, em 42 anualidades, 226 milhões de Marcos, pelas indenizações da guerra.   

1939 - Um terremoto causa mais de 10 mil mortes e destrói a cidade de Chillan, no Chile. 

1950 – Durante uma reunião no Coliseu Sam Houston, o profeta de Deus William Branham é fotografado com um Halo de Luz sobre sua cabeça. Essa fotografia está hoje na Biblioteca do Congresso americano em Washington DC.

1952 - Vincent Massey é o primeiro canadense eleito a governador geral.   

1958 - Cientistas britânicos e norteamericanos anunciam que conseguiram uma fusão nuclear controlada.  

1960 - Nasce Natassia Kinski, atriz norteamericana.  

1970 - Greve de mais de 30.000 mineiros asturianos.   

1977 - Assassinato de cinco advogados trabalhistas vinculados à Comissões Operárias por militantes de extrema direita, em Atocha.   

1992 - Primeiras eleições presidenciais livres en Mauritania, onde o vencedor ao cargo de presidente foi Muauiya Uld Taya.  

1992 - Morre Ignacio Bernal, antropólogo mexicano.   

1994 - Um navio petroleiro explode e se parte em dois, com 23.000 toneladas de petróleo bruto, a 530 quilômetros de Hong Kong.   

1995 - A Russia lança, pela primeira vez na história, um foguete portador tipo Kosmos-3M com três austronautas, um russo, outro norteamericano e um sueco.   

1996 - O Tribunal Supremo processa o ex-ministro do Interior José Barrionuevo, acusado de dirigir, junto con Rafael Vera, os GAL.